Fique por dentro das novidades do Flores no Ar!
  • Facebook
  • Twitter

Arquivos

Flores no Ar Logotipo do Portal Flores no Ar

  • Home  /
  • COLUNAS   /
  • [MENINA MADURA] Seis meses depois…

[MENINA MADURA] Seis meses depois…

Por Menina Madura

Seis meses depois da última postagem cá estou pra fazer um balanço do que vivi e compartilhar meus anseios no momento.

Sobre a alimentação, passei cerca de 1 mês ‘direitinha’, sem comer trigo, por exemplo. Mas eis que percebi que fiquei com prisão de ventre. Acho que foi de tanta tapioca. Resumindo, não soube equilibrar minha alimentação diversificando os alimentos, sem o querido pão tava comendo muuuita tapioca.

Posso dizer que não fui aprovada na minha tentativa de me alimentar bem nos últimos meses. Mas também é lasca. De lá pra cá teve Natal, Reveillon, férias de janeiro na praia e Carnaval. Ou seja, era preciso muita força de vontade. Mas o que eu tive mesmo foi vontade de comer pão doce, queijo coalho, café… e aqui e acolá tomar um whiskynho e fumar uns cigarros.

Sobre as atividades físicas? Foi um período de altos (poucos) e baixos (muitos). Meu desejo revelado na última postagem, escrita em setembro de 2016, era todos os dias fazer yoga de manhã em casa e andar e correr na praia.

Bem, fiz um mês de yoga de fato. Quanto à atividade aeróbica aconteceu algo inesperado. Fui correr um dia, foi ótimo. Corri um outro dia, ótimo também. Eis que no final de semana seguinte participo de um encontro de dança e meu joelho esquerdo dá um tilti. Não sei explicar o que foi. Algum movimento lateral que o tirou do eixo e fiquei algumas horas sem nem poder andar direito.

Tive o insight de massageá-lo levemente e me alongar. Pois num é que deu um crec e ele ficou bom?! Mas na outra semana, dançando forró, aconteceu de novo. Repeti os alongamentos da vez passada, deu o crec, e parou de doer.

Fiquei meio assombrada e resolvi então procurar um ortopedista antes de iniciar uma atividade física regular. Fui no médico após o Carnaval e ele me aconselhou a fazer pilates. Fiz um mês. Adorei. Foi ótimo. Mas o preço e a limitação de horário me fizeram ficar no 1 mês mesmo.

Quanto às outras coisas citadas na minha auto-receita, sigo perseguindo-as dia após dia. Mas o fato é que desde dezembro estou mal de disciplina.

Algum avanço houve. Por exemplo, há um mês não fumo mais cigarro de caixinha, tipo Souza Cruz. Tô comprando tabaco natural e fumando bem menos e de forma mais ritualística, afinal sou meio ‘véia cachimbeira’ (deve ser o sangue indígena). Minha avó fumava cachimbo desde os 16 anos.

Outra coisa bem positiva é que faz seis meses que aderi mesmo ao No Poo. Desde então não uso xampu. Tô fazendo assim: um dia lavo o cabelo com vinagre de maça e água. Dois dias depois uso sabão natural que eu mesma fiz (depois posto a receita com o passo-a-passo). Na outra lavagem uso bicarbonato de sódio com água.

Para hidratar tô usando dois tipos de condicionadores indicados por quem faz o Noo Poo (um da marca Deva e o outro o Yamasterol amarelo). Uma vez por semana também faço hidratação com algum óleo vegetal, tipo coco ou oliva.

Tô agora querendo ver se me instigo com a energia da entrada do Sol em Áries – primeiro signo do zodíaco, início de uma nova estação – pra me disciplinar e organizar minha casa (tanto corpo, quanto apartamento).

A propósito:

Leave a comment