Fique por dentro das novidades do Flores no Ar!
  • Facebook
  • Twitter

Arquivos

Flores no Ar Logotipo do Portal Flores no Ar

[CARCARÁ TAROT] O Ritual do Tarot

Foto: Irma Brown

| *Por Sabrina Carvalho |

Recebemos com muita alegria o tempo de revelação dos arcanos! Sim, eles estão por todas as partes, e dessa vez não só como prática oracular. A cada dia, o Tarot ganha novas pessoas adeptas ao seu uso como instrumento de autoconhecimento e autoconexão. É para isso que o Tarot veio: para nos conectar com os arquétipos universais e nos fazer compreender como parte da natureza. Através dos quatro elementos da natureza conhecemos nossa humanidade, encontrada nos arcanos menores, e nossa divindade, representada pelos arcanos maiores.

E eis que, depois de passar anos na escuridão, sendo queimado junto com suas bruxas e seus livros nas fogueiras e escondidos nas egrégoras de conhecimento sagrado, hoje o Tarot está exposto tanto nas prateleiras de livrarias, quanto nas vitrines na moda, nas conversas entre pessoas, nos objetos do olhar artístico….o Tarot está inteiro à disposição daquelas pessoas que queiram manuseá-lo. E é nas mãos que encontra-se uma das grandes ações mágicas que envolvem o ritual do tarot. O ato de embaralhar transmite toda a conexão existente entre a pessoa e seu instrumento.

Mas antes de embaralhar precisamos preparar nosso ritual de autoconexão, escolhendo um lugar silencioso onde você possa ficar consigo mesma, se possível próximo à natureza ou plantas, onde você possa estender um paninho, lenço ou toalha para aconchegar seu tarot. Mas pode ser em cima da sua cama também se você está jogando para você ( se a leitura for para outra pessoa , o ideal é sobre uma mesa ou no chão). Em cima do pano, construa uma espécie de pequeno altar, contendo objetos que tornem esse momento sagrado. Penas, cristais, totens e objetos que tenham algum sentido afetivo para você. Estar de coração aberto é muito importante para o ritual. O uso de velas para simbolizar o sagrado e a luz divina, e a presença de água tanto para beber quanto para simbolizar o momento de troca e conexão.

Há quem não utilize nada, e não tenho direito de dizer que está errado. O que posso dizer é que, por se tratar de um ritual, a utilização de instrumentos facilita a nossa concentração para que possamos intencionar nossas transformações.

E o que esperar de um ritual de autoconexão com o tarot? Bem, querer buscar o autoentendimento já faz o ritual valer a pena, pois nos traz muitos insights. Se você puder anotar esses insights, eles podem ser de grande valia num futuro muito próximo, quando você precisar de conselhos de si mesma.

Assim como os medos, as expectativas atrapalham muito. Esperar vir cartas tanto pode ativar o link da sincronicidade, quanto trazer frustrações enormes. E a culpa não vai ser das cartas. Elas estão ali para expressarem seus sentimentos, suas angústias, seus medos, seus sonhos…ou seja, quando caem cartas não tão positivas, são apenas seu reflexo. Esperar ou temer adivinhações do futuro também é sub utilizar um instrumento tão importante para o nosso eu divino, e esse divino não tem compromisso com a adivinhação dos acontecimentos, mas sim com o desvendar dos teus próprios mistérios e esclarecer tuas dúvidas. Mesmo que a dúvida seja seu problema, também não devemos esperar que o tarot decida por nós: isso é nos isentar do nosso livre arbítrio, e o tarot não serve para isso.

E quanto mais fortalecida sua relação com o Tarot, mais intimidade você vai criando com o instrumento, o que vai te preparando para seguir passos mais adiantados nessa relação. E esses passos não têm nada a ver com inserções de mercado ou autopromoções nas redes sociais. Esses passos são de utilização desse instrumento para a transformação daquelas pessoas que te procuram como conselheira e guia… isso vai acontecendo naturalmente pelo teu próprio portar no mundo. Tua transformação será sempre perceptível aos olhos de quem pode ver.

Foto: Marília Pinheiro

 

* Sabrina Carvalho é taróloga, criadora da Carcará – Escola de Tarot, pesquisadora e escritora/colunista do Portal Flores no Ar. Realiza leituras com foco em autoconhecimento, autoempoderamento e transformação. Também ministra aulas de iniciação aos Arcanos Maiores e Menores.

Contatos:
sabracarvalho@gmail.com
(81) 99965 4458

Related Articles

Leave a comment