Fique por dentro das novidades do Flores no Ar!
  • Facebook
  • Twitter

Arquivos

Flores no Ar Logotipo do Portal Flores no Ar

  • Home  /
  • AGENDA   /
  • Roberto Otsu abordará o Taoísmo no ‘1º Colóquio Internacional: Panteísmo, princípios filosóficos’

Roberto Otsu abordará o Taoísmo no ‘1º Colóquio Internacional: Panteísmo, princípios filosóficos’

panteísmo

Entre  os participantes do 1º Colóquio Internacional: Panteísmo, princípios filosóficos, está confirmada a participação do professor de Taoísmo Roberto Otsu. O Colóquio será realizado de 14 a 17 de novembro de 2013, no Hotel 7 Colinas em Olinda-PE.

Roberto Otsu nasceu em 1958 na cidade de São Paulo – SP, Brasil. Graduado e Comunicação Social (1980) e em Arte-Educação (1983). Em 1976, ao entrar em contato com as obras do filósofo e escritor chinês Lin Yutang, começou a se interessar profundamente pela Sabedoria Oriental, especialmente pelo Taoísmo. No final da década de 1980, iniciou seus estudos de Psicologia Analítica e participou do Grupo de Estudos C. G. Jung, em São Paulo. Em 1992, por influência das teorias junguianas, iniciou seus estudos de I Ching, Em 2002, recebeu iniciação taoista por mestres de Taiwan. Atualmente é professor de Taoismo na Pós-graduação em Psicologia Transpessoal da Faculdade de Ciências da Saúde (Facis) em parceria com o IPPT, Instituto de Psicologia e Práticas Transpessoais, palestrante e divulgador da Sabedoria Oriental em diversos centros de estudo, fonte de informações sobre Taoismo e I Ching de veículos como as revistas Nova Consciência, Filosofia, Bons Fluidos, e emissoras como TV GNT e Rádio CBN, Rádio Mundial, entre outras.Autor dos livros “A Sabedoria da Natureza” (2006) e “O Caminho Sábio” (2008), publicados pela Editora Ágora-Summus, São Paulo

A SABEDORIA DA NATUREZA

O Taoismo é fundamentalmente uma sabedoria que permeia todo o desenvolvimento cultural, filosófico e espiritual da milenar civilização chinesa.Esta sabedoria não tem origem em conceitos filosóficos, metafísicos ou místicos. Ao contrário, o seu verdadeiro ponto de partida, nos primórdios da consciência humana, foram elementos tão simples e naturais como a água, a árvore, o vento e a chuva.A partir da contemplação das manifestações que os cercavam, os antigos chineses observaram a complexa e perfeita harmonia dos fenômenos naturais e perceberam que “algo” que transcende o ser humano gera e rege todos os eventos. Esse “algo” recebeu o nome de Tao e pode ser entendido como um Princípio Único, como um Caminho Natural da existência. O aprofundamento desta percepção levou às mais diversas associações de idéias e às mais ricas intuições resultando na formulação de conceitos como ciclos naturais, mutação, impermanência, opostos complementares, paradoxos, etc.

Neste sentido, toda a filosofia do Taoísmo são conseqüência da contemplação, do encantamento e da profunda reverência à Natureza.O Taoismo nos mostra que ser sábio significa seguir as leis naturais e ensina que não existe melhor mestre do que a Natureza, especialmente porque o próprio homem é fruto dela.A intenção da palestra é trazer à luz realidades simples como as características da água, por exemplo, para discorrer sobre a adaptabilidade, a suavidade, a lei do menor esforço, a flexibilidade, a simplicidade, o fluir, a humildade, o servir, o beneficiar sem exigir nada, exatamente como ocorreu ao pensamento oriental. E o mais importante: expor como as lições da Natureza contidas no Taoismo podem orientar nossa vida prática, promover a paz de espírito e desenvolver nossa personalidade.

___

1º Colóquio Internacional: Panteísmo, princípios filosóficos

De 14 a 17 de novembro – 2013
Olinda – Pernambuco – Brasil

http://iup.org.br/eventos/
coloquio@iup.org.br
(81) 3222.5120 / 3221.1124

Instituto Universo Panteísta
http://iup.org.br/

Saiba mais sobre o Colóquio aqui!

Leave a comment