Fique por dentro das novidades do Flores no Ar!
  • Facebook
  • Twitter

Arquivos

Flores no Ar Logotipo do Portal Flores no Ar

[CAIXA DE PANDORA] Arte e Terapia por Internet

Por Juliana Florencio* |

“Quando é verdadeira, quando nasce da necessidade de dizer,
a voz humana não encontra quem a detenha. Se lhe negam a
boca, ela fala pelas mãos, ou pelos olhos, ou pelos poros,
ou por onde for. Porque todos, todos, temos algo a dizer
aos outros, alguma coisa, alguma palavra que merece
ser celebrada ou perdoada.” (Eduardo Galeano)

A semente do uso de recursos expressivos, no atendimento por internet, foi plantada quando ainda trabalhava no consultório em Recife. Uma cliente perguntou sobre a possibilidade de continuarmos a utilizar a arte quando começássemos as sessões online. Pensei e respondi: – Vamos tentar?!

Entre a última sessão presencial e a primeira online, combinamos que ela faria uma produção com temática livre, algo que surgisse a partir do que sentisse ou vivesse durante esses dias, entre as sessões.

Dávamos início a esta nova jornada juntas…

Sou psicóloga junguiana e arteterapeuta. Utilizo recursos e materiais expressivos no processo, como desenho, pintura, argila, contos, colagem…, e trabalho com sonhos. A arteterapia potencializa a criatividade, tornando-se um caminho para as transformações desejadas e necessárias.

Dentro deste contexto, é importante explicar que chamo de imagem o que emerge durante o processo – mesmo que seja um conto, uma poesia ou uma música – pois me referencio no conceito de himma de James Hillman. (1)

“Himma é o modo pelo qual as imagens, que acreditamos criar, nos são apresentadas não como tendo sido criadas por nós, mas genuinamente criadas, como criaturas autênticas.” (2010)

No início do primeiro atendimento online, a cliente trouxe uma produção feita com massa de modelar sobre papel e manuscritos. Nos conectamos com esta imagem e ela falou das sensações e sentimentos que esta trazia, e como foi seu processo de criação. A partir de sua fala, a sessão desenrolou-se como num espaço terapêutico habitual. Ao fim, acordamos, com base no conteúdo trazido, a criação de uma imagem a ser realizada entre as sessões.

E assim tem ocorrido desde então (começamos os atendimentos por internet em agosto de 2018). A cada sessão ela traz uma imagem conectada com o que estamos trabalhando em seu processo.

A experiência trouxe segurança para propor atividades similares para as novas clientes, cujo processo terapêutico já iniciou-se online.

Algumas preferem a escrita, outras colagem, escultura, ou pintura.

Os sonhos têm sido, também, trabalhados ‘arteterapeuticamente’. Através de suas imagens podemos nos aprofundar e dar continuidade ao processo criativo.

Assim como ocorre num processo terapêutico presencial, algumas clientes sentem-se à vontade para as atividades com recursos expressivos, enquanto outras estão num momento no qual a fala é o meio mais utilizado.

Dessa forma, para quem está mais disponível para a arteterapia, planejamos juntas, de acordo com cada sessão, uma atividade para ser realizada entre os atendimentos online.

Muita coisa rica acontece quando as imagens são acolhidas e vividas. Além disso, a potencialização da criatividade se expande para a vida como um todo.

O atendimento online não é impeditivo para o uso de recursos expressivos.

Este é um novo campo que se abre a ser explorado, através de estudos e pesquisas.

A internet proporciona encontros, descobertas e ampliação de possibilidades; e já se configura como meio de cuidado em saúde mental, auto-descoberta, desenvolvimento de potencialidades e crescimento pessoal. Dessa forma, essa tecnologia pode alargar, também, os alcances da Arteterapia.

“Criar sim, mentir não. Criar não é imaginação, é correr o grande risco de se ter a realidade.” (Clarice Lispector)

Dedico este texto a esta minha primeira cliente online. Juntas, com ousadia e correndo o “risco de realizar”, criamos novas possibilidades de conexão e de expansão da arte como recurso terapêutico.

(1) Mais sobre o tema no meu artigo de conclusão da formação em Arteterapia.

*Juliana Florencio é psicóloga junguiana, arteterapeuta e consteladora familiar sistêmica. Recifense de coração, atualmente mora na Alemanha. Realiza atendimentos online. Escreve mensalmente a coluna Caixa de Pandora, neste Portal Flores no Ar.

Whatsapp: +49 15153187019
Instagram/Facebook: @julianaflorencioterapiaonline
Site: www.juliana-florencio.com
E-mail: juflorenciocs@gmail.com

Veja também:

Terapia Online com Juliana Florencio

Leave a comment