Fique por dentro das novidades do Flores no Ar!
  • Facebook
  • Twitter

Arquivos

Flores no Ar Logotipo do Portal Flores no Ar

  • Home  /
  • NOTÍCIAS   /
  • ‘Carta Fé na Democracia’ congrega expressões religiosas, ambientais, direitos humanos, povos tradicionais, cientistas e ativistas sociais

‘Carta Fé na Democracia’ congrega expressões religiosas, ambientais, direitos humanos, povos tradicionais, cientistas e ativistas sociais

O Centro de Estudos Budistas Bodisatva (CEBB), o Instituto de Estudos da Religião (ISER) e a Iniciativa Fé no Clima lançaram na segunda-feira passada (24/10) a carta aberta Fé na Democracia.

O lançamento foi realizado na sede do CEBB Caminho do Meio, em Viamão (RS), e transmitido via internet (gravação em vídeo disponível acima deste texto), contando com a participação de centenas de pessoas e instituições engajadas na promoção de uma cultura de paz.

A Carta Fé na Democracia congrega expressões religiosas, ambientais, direitos humanos, povos tradicionais, cientistas, ativistas sociais, os quais manifestam valores que acreditam ser fundamentais para o momento crítico vivido pelo Brasil.

“O mundo não vai melhorar pelo autocentramento e acirramento das diferenças, nem pela acumulação. No Budismo percebemos a liberdade natural de construir nossas realidades: se podemos ser autocentrados, também podemos ser amorosos, compassivos e celebrar a nossa amizade ao sonhar e construir mundos”, declarou o Lama Padma Samten, anfitrião do evento.

“Apesar dos ataques contra nosso povo, temos esperança de que nossos filhos voltem a viver bem, a ter espaço para plantar, a ter a mata e os lugares sagrados preservados. (…) se continuarmos a não enxergar nem ouvir o potencial das matas, das terras, da natureza, vamos perder a força que possuímos”, destacou o cacique geral Mbyá Guarani do Rio Grande do Sul, Cirilo Morinico.

Durante o lançamento, dezenas de lideranças abordaram os temas da Carta Fé na Democracia desde os seus lugares de fala, exprimindo interesses comuns motivados pelo exercício da cultura de paz. Entre outros, participaram: Frei Betto, Monge Jorge Koho Mello, Edite Faganello (Instituto Nhandecy e Carta da Terra), Monja Jigme Chodzin (Drukpa Kagyu), Aurino Lima (ABRAPET), Maria Lala Aché (Instituto Cy) e Ananias Viana (liderança dos quilombos da Bahia).

Até o dia 26/10/2022, assinaram a Carta Fé na Democracia 97 instituições e 3.602 cidadãos e cidadãs.

Para ler e assinar o documento, basta acessar o site: www.fenademocracia.org.br

Related Articles

Leave a comment