Fique por dentro das novidades do Flores no Ar!
  • Facebook
  • Twitter

Arquivos

Flores no Ar Logotipo do Portal Flores no Ar

  • Home  /
  • ARTIGOS   /
  • ‘Mercúrio entra em Escorpião’

‘Mercúrio entra em Escorpião’

Por Haroldo Barros
(http://haroldobarros.wordpress.com)*

Em seu contínuo caminhar pelo Zodíaco, o planeta Mercúrio adentra o signo de Escorpião, iniciando um ciclo de mergulho no mistério das coisas.

Por anos e anos, a monja Reiko estudou, sem conseguir chegar à Iluminação. Uma noite, estava ela a carregar um velho pote cheio de água. Enquanto caminhava, ia observando a imagem da lua cheia refletida na água do pote. De repente, as tiras de bambu que seguravam o pote inteiro partiram-se e o pote despedaçou-se. A água escorreu e o reflexo da lua desapareceu… e Reiko iluminou-se.

Ela escreveu estes versos:
“De um modo ou de outro, tentei segurar o pote inteiro
Esperando que o frágil bambu nunca se partisse.
De repente, o fundo caiu. Não havia mais água.
Nem mais lua na água. Apenas o vazio em minhas mãos.
E seu significado em minha alma.”

A história zen acima, adaptada do livro “Nem água, nem Lua”, de B.S. Rajneesh, o Osho, ilustra lindamente o significado da passagem de Mercúrio em Escorpião. Cada um de nós carrega, por assim dizer, um pote de água, que reflete a luz da lua. Esse pote é a nossa mente, repleta de pensamentos que tentam a tudo controlar. No entanto, sabemos que há dimensões em nossa vida que não poderemos abarcar com a razão ou o pensamento. A essa dimensão chamamos de mistério, ou seja, algo que não pode ser enquadrado racionalmente e que, antes de ser compreendido ou formulado, deve ser vivenciado e experienciado. Não me refiro a conceitos metafísicos ou transcendentais, mas a coisas que fazem parte da nossa vida cotidiana: o amor, a fé, a paixão, a alegria.

Se tentarmos explicá-los racionalmente, jamais chegaremos a um resultado totalmente satisfatório, pois sempre haverá partes desses conceitos que não podem ser alcançadas pela mente. Se nos propusermos, por outro lado, a vivenciá-los em toda a sua intensidade, poderemos sentir o sopro de Deus em nossas ações.

Portanto, desista de compreender e controlar tudo o que acontece ao seu redor, permitindo-se, porém, viver seus significados. Só assim, do mesmo jeito que Reiko só encontrou o que buscava ao ver dissolvida a realidade, bem à sua frente, você poderá assimilar o doce mistério da vida e preparar-se para vôos mais altos.

E, após todo esse simbolismo, uma dica bem prática: durante a estada de Mercúrio em Escorpião, que se estenderá até o início de Dezembro, atente para as mensagens interpessoais que podem estar sendo passadas silenciosamente. Uma verdadeira batalha e conflitos de poder podem ser travados sem que uma única palavra seja proferida e sem que os participantes tenham consciência disso. Cuidado, portanto, com o que você mesmo pode estar comunicando nos níveis não-verbais.

E lembre-se: Mercúrio em Escorpião nos diz que há segredos que devem ser desvelados; outros, porém, nasceram para serem ocultados.

Portanto, antes de botar a boca no trombone, lembre-se do que nos diz o Zohar, livro sagrado da Tradição Judaica: o mundo subsiste pelo segredo.

 

* artigo reproduzido com a autorização do autor.

Leave a comment