Fique por dentro das novidades do Flores no Ar!
  • Facebook
  • Twitter

Arquivos

Flores no Ar Logotipo do Portal Flores no Ar

[CANTO DE LU] (Crônicas Pandêmicas) Esses Eus

Foto: Banco de Imagens/Flores no Ar

| Por Lu Rabelo* |

Esses eus
que quer o eterno
e o efêmero
a paz
e a luta
que alimenta galos
pra que não parem de cantar
que se isola
e quer vinhos
que não come carne
e engole (e sopra) fumaças
vislumbra o etéreo
e adora se tocar
ouve Trigueirinho
e vê por horas seguidas séries pseudoromânticas da Netflix
eu, tão lírica, descrendo de romantismos
Metabhavanas quando a mente aperreia
sem culpas (me digo)
o canto dos passarinhos, dos grilos, das cigarras, nesses fins de tarde…
o meu canto, quando raro ressurge e me costura
há uns meses achei ser eu uma farsa
nasceu o primeiro tomate do meu jardim
abuso de redes sociais e aqui postando este texto
feliz porque vou ver mainha no Natal
mas painho não estará lá, porque agora só tá dentro, e no infinito
acharam um vazamento na entrada da cozinha
ontem mesmo trocaram o cano furado (não posso mais vazar)
meu menino me enrola e religa a internet quando vou dormir
juntando aqui o dinheiro do aluguel do próximo mês
Poema e Fulô, minhas professoras de presença,
agora castradas, aliviam o desejo de coito
já eu, ando me descastrando
elas trazem baratas, pássaros, gafanhotos e lagartixas já sem o rabo pra dentro de casa
dia desses enterrei um passarinho, tão pequenininho, tão bonitinho
tem um casulo no pé de Acerola
minha menina quase incendeia seu quarto, na casa onde não mora comigo
meu vizinho me chama de a cigana do MST, ele me vê
no vai e vem das Luas, choro de faltas
sangro agradecida por sangrar
adoro vermelho
e aguar as plantas
celebro a leveza mental que alcanço só quando sozinha, sem espelho.
feliz de ter ganhado 3 quilos e me sentir mais ampla
encontro um escorpião estacionado no centro do meu quarto
pinto as unhas e os cabelos
como é bom sentir o Sol
e o silêncio
e tomar chás pra aliviar as securas
e acender fogueiras
dias sinto vontade de nada, nada, não estar
dias alegria de respirar
e de estar em casa
e de ter vontade de escrever novamente.

* Lu Rabelo é cantadeira, arteterapeuta, jornalista e editora do Portal Flores no Ar.

Leave a comment