Fique por dentro das novidades do Flores no Ar!
  • Facebook
  • Twitter

Arquivos

Flores no Ar Logotipo do Portal Flores no Ar

[CAIXA DE PANDORA] Eu e eu mesma

Por Juliana Florencio* |

Sabe aqueles dias que você não consegue fazer o que precisa?
Isso causa angústia… e… culpa….
E culpa em nada melhora nada…
Culpa é um sentimento bem inútil.
Culpa talvez seja o mecanismo de “educação”/adestramento mais eficaz por ser perfeitamente internalizado.
Culpa não resolve e te deixa pior.
Geralmente quando essas “bad” chegam, acabo entrando numa introspecção forçada…
Na verdade, não sei se isso é bom… mas é como um “ok… já que você não consegue fazer o que tem que fazer, então fica aí de castigo com você mesma…”
Como menina pequena que levou o maior carão e foi entregue a si… exilada.
Aí junta a culpa, o tédio e a companhia, no momento, indesejada de mim….
Gosto muito de estar só, mas nessas horas não!
Ter que estar com a minha parte que eu não gosto…
Meu eu preguiçoso, desajeitado… que procrastina…
Argh…
Amarga companhia…
Chata!
Mas, eu já deveria ter me acostumado! Quando esses momentos angustiantes ocorrem, eu acabo tendo um insight.
Uma luz desconfortável sobre algo não agradável, mas… meu!
Meu… eu… e tenho que dar conta disso…
Argh… (de novo)
Mas, sim, essas paradas são necessárias… um afastamento da realidade externa… Um “off” nas tarefas, porque quando o que está inconsciente urge, essas obrigações pouco importam para o que quer aparecer…
Portanto, hoje, acolherei minha eu, não tão bem-vinda, e tentarei escutar o que ela quer me dizer.

* Juliana Florencio é recifense de coração, apaixonada pelos estudos de astrologia, mitologia e 
psicologia analítica. É psicóloga, arteterapeuta e consteladora familiar sistêmica. 
Realiza atendimentos presenciais e também online.
Escreve a coluna CAIXA DE PANDORA, no Portal Flores no Ar.

Leave a comment